terça-feira, 28 de julho de 2009

Garden Party 3 anos de sucesso: NÃO PERCAM!

A festa comemora 3 anos da Garden Party e recebe a diva da house music, Georgia Brown, em um show especial. O time de DJs traz Nill Roger e Rodrigo Lima de Campinas, o DJ e produtor Tommy Love, e Gra Ferreira e Dudu Marquez que dispensão apresentações. A produção preparará uma mega estrutura de som e iluminação e laser show. Os hosts Eliana Flor e Cris Ferrari recebem os convidados.


Esta equipe é de arrazar!! Adorooo todos, principalmente o Leo Miller, empresário e amigo que tudo que põe a mão vira sucesso!!! Graças á esta equipe a Garden Pool Party é com certeza a melhor festa do interior paulista e sempre a mais esperada em todo ano também. E detalhe... pra quem não se lembra eu também já fiz parte desta equipe.. hehehe (confira a foto á esq.). IMPORTNTE: Saudades imensa de vc Durval... o melhor companheiro de divulgação que alguém pode ter!! Te adoroo meu amigo!!!

» Data:02/08/2009» Hora:13:00 - 22:00
» DJs:Nill Roger, Rodrigo Lima, Tommy Love, Gra Ferreira, Dudu Marquez
» Preço:R$ 30 antecipado, R$ 35 com lista ou flyer até 16:00, R$ 40

» Onde Comprar: Foch: Shopping Frei Caneca: Rua Frei Caneca, 569, 1º piso, loja 205 - Consolação - São Paulo / SP • Tel: 11-3472.2295Divino Lounge Bar: Av. João Mendes Junior, 278 - Cambuí - Campinas / SP • Tel: 19-3294.6290All Manner: Rua Moraes Barros, 968 - Centro – Piracicaba / SP • Tel: 19-3433.7875All Manner: Rua Vieira Bueno, 333 - Americana / SP • Tel: 19-3462.8644Fashion Night: Rua Major Sucupira, 220 - Centro - Jundiaí / SP • Tel: 11-4522.6592Promoters: verifique a lista no site oficial.

» Local: Parque aquático hotel fazenda Solar das Andorinhas: rodovia Campinas-Mogi Mirim, km 121 - Campinas / SP» Fone:11-9705.2332 / 19-3722-2726


Confira o vídeo de lançamento da festa aqui:


video

terça-feira, 14 de julho de 2009

Fabricante de Guaraviton lança nova bebida: Guara Gay

Criador das bebidas Garavita, à base de guaraná, e do Guaraviton, refresco de guaraná com sabores, o empresário tijucano Neville Proa acaba de lançar uma nova bebida: o Guara Gay.

"Esse mundo está mudando, não? Eu já tinha o registro do nome e pensei em passar a produzir a bebida de guaraná em copo. Ainda não há uma venda expressiva e, no momento, o que percebo é que muitos compram o Guara Gay para fazer uma brincadeira com os amigos, com o chefe. E, assim, o produto vai sendo conhecido", disse Neville ao jornal O Globo.

Apesar de ser uma novidade, a bebida teve destino certo no mês passado. Segundo Neville, às vésperas da Parada Gay de São Paulo, um comprador encheu um caminhão de Guara Gay para comercializá-lo durante a manifestação.
Eu posso dizer que é uma deliciaa porque já provei e lembra muito o gosto do Guaraviton... tenho certeza que será um sucesso de vendas (principalmente em Ipanema no carnaval)... ótima idéia!!! experimentem!!!!

Filme gay de Sacha Baron Cohen, 'Brüno', lidera as bilheterias americanas

O novo filme de Sacha Baron Cohen, "Brüno", saiu na frente do desenho "A Era do Gelo 3", liderando as bilheterias norte-americanas.

Em sua estreia neste fim de semana, o longa já arrecadou US$ 30,4 milhões. Os números foram divulgados pela Exhibitor Relations. "Brüno" conta a história de um jornalista de moda austríaco e gay que busca a fama nos Estados Unidos.

Com US$ 28,5 milhões, acumulando um total de US$ 121 milhões desde sua estreia, "A Era do Gelo 3" ficou com o segundo lugar. "Transformens 2, a Vingança dos Derrotados", que estava em primeiro lugar, caiu para terceiro, arrecadando US$ 24,2 milhões (e somando US$ 339,2 milhões no total).No Brasil, "Brüno" deve estrear no próximo dia 31 de julho.
OBS: E não sei se alguém se lembra... mais eu já tinha adiantado uma imagem do artista com este visual numa matéria anterior aqui no meu blog sobre F.F. ( uma foto onde ele aparece com temas de zebra e sobre um cavalo.. lembram?) heheeh.... o Galeni aqui sempre sai na frente galerinha!!!

"Malhação" terá personagem gay

O ator Fábio Keldani entrará na novela teen "Malhação", da rede Globo, interpretando um personagem homossexual.

Fábio será um cantor gay de grande sucesso entre os adolescentes e, por causa de sua fama, pedirá a personagem Yasmim (Mariana Rios) em casamento para despistar os boatos sobre a sua vida pessoal.

O novo papel tem tudo a ver com o ator, pois Fábio também é cantor e lançará seu CD, de músicas pop, pela gravadora Som Livre, em setembro.

SAIU DO ÁRMARIO: Cantor de boy band inglesa se assume bissexual

O cantor Duncan James, da boy band inglesa Blue, assumiu-se bissexual em entrevista ao tabloide sensacionalista "News of the World".
"Eu sou gay? Eu sou hétero? Eu sou bi? É por isso que tenho tanto medo de falar sobre isso", disse James, que já namorou celebridades como Geri Halliwell (ex-Spice Girls) e a ganhadora do Big Brother Kate Lawler. "Hoje, aos 31 anos, sei quem eu sou e tenho orgulho do que sou. Não quero mais esconder nada", completou o cantor.

Na entrevista, o cantor, que tem uma filha com a ex- namorada Claire Granger, contou que a primeira vez que se apaixonou por um homem foi há 8 anos. Desde então, só comentou o fato à ex-namorada, à sua mãe católica, e aos companheiros da banda, Simon Webbe, Lee Ryan e Anthony Costa.

"Eu achava que haveria um estranhamento, mas não houve", disse o solteiro James, que também falou que atualmente busca um relacionamento com um homem ou uma mulher. "Se eu sentir que há uma ligação forte com alguém, então saberei o que é certo para mim", falou.

Andréia Albertini, travesti do caso Ronaldo, morre aos 22 anos em SP

Foi enterrado na sexta-feira passada o corpo de Andréia Albertini, de 22 anos, travesti que ficou famosa após escândalo envolvendo o jogador de futebol Ronaldo em abril de 2008 no Rio de Janeiro.

Andréia faleceu na manhã de quinta-feira (09), na UTI de um hospital em Mauá. Segundo relato de sua mãe Sônia Maria Ribeiro ao site G1, a filha estava com pneumonia e uma tomografia havia diagnosticado meningite.

O corpo foi velado na madrugada de sexta no cemitério Santa Lídia, em Mauá, na Grande São Paulo. Há dois meses Andréia estava morando em um flat em São Paulo. A dona do flat estranhou o confinamento da travesti, que não saía há dias, e resolveu arrombar a porta. Andréia foi encontrada no sofá, sem forças para se levantar ou comer.

A mãe levou então a filha para casa e posteriormente para o hospital, depois de Andréia ter uma convulsão e perder a consciência. Sônia percebeu também que a filha estava deprimida. "Quando falava ou tossia, eu percebia que ela estava com o pulmão cheio e mal conseguia respirar", detalhou a dona de casa ao G1. Segundo ela, o médico que atendeu Andréia teria afirmado que se ela sobrevivesse, "iria ser um vegetal".

No velório, a mãe afirmou que Andréia ficaria contente com a repercussão de sua morte. "Ela ia dizer: 'O pessoal lembrou de mim'. Para Sônia o "Difícil vai ser agora que ela não vai mais tocar a campainha e dizer: 'Mãe, cheguei!'".

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Com queixas à Prefeitura, Campinas reúne 120 mil em Parada

No dia em que se comemorou os 40 anos de Stonewall, a minha cidade (Campinas, no interior de São Paulo), realizou neste domingo (28/06) a sua 9ª Parada Gay.

O espírito de transgressão, que fez com que os frequentadores do bar norte-americano reagissem contra a polícia em 1969, tomou conta dos organizadores da Parada campineira. E desta vez por causa dos banheiros químicos, que não deram conta de atender o público presente. Segundo Maria Moreno, uma das organizadoras, a Prefeitura da cidade tinha prometido 50 banheiros, mas foram disponibilizados apenas 12. No trio, antes da abertura, Moreno pediu aos participantes que não abusassem do álcool, reclamando que a Prefeitura também não havia liberado tendas de primeiros socorros, avisando ainda que, se houvesse algum tipo de emergência, eles seriam atendidos "no chão".

Moreno foi enfática ao dizer que a Prefeitura "traiu" a organização por não ter cumprido o que havia sido combinado. "Eles vieram na sexta-feira à noite avisar que a Parada tinha sofrido alguns cortes", denunciou, afirmando que o governo municipal "quer acabar com a Parada". "Mas o governo tem dia e hora para acabar, a Parada gay não", ressaltou.

Às 14h, o povo já fervia na avenida Glicério, quando Marília Moreno voltou ao microfone para mais uma vez protestar contra a Prefeitura. "Gente, acabamos de descobrir que o trio que a Prefeitura nos concedeu não toca CD", disse irritada, pedindo paciência aos presentes, que aguardavam a execução do Hino Nacional, que daria início à manifestação.

Antes da abertura oficial, ativistas locais discursaram. O primeiro a falar foi o jovem pastor Artur Pires, que denunciou um panfleto que dizia que Deus não aceitava os homossexuais. "Jesus é para todos, quem pensa o contrário deve estudar", disse o religioso. "Se nós somos filhos do demônio, então somos netos de Deus, pois o demônio é filho de Deus", ironizou Moreno.

Quem também falou foi o coordenador da Cads estadual, Dimitri Sales, para quem o dia era de celebração. "É muito bom festejar, mas não podemos esquecer dos nossos direitos", disse, pedindo ao público que votasse no abaixo-assinado pela aprovação do PLC 122. Lúcia, do grupo Aos Brados, disse que a Parada não deixaria de existir e avisou que, se a proibissem, a comunidade invadiria a avenida.
Sueli Fátima, da CUT (Central Única dos Trabalhadores), disse estar feliz com o fato de a central ter concebido o 1º Núcleo LGBT. "Os sindicatos têm que estar presentes nas Paradas", afirmou. Um dos últimos a falar foi Paulo Mariante, da ONG Identidade. "Beijem muito e façam outras coisas com camisinha", pediu o ativista, para em seguida fazer uma cobrança: "Divirtam-se e também tenham consciência dos seus direitos". Em seguida, foi executado o Hino Nacional. A música "It's raining men" iniciou oficialmente a Parada Gay de Campinas.

A manifestação contou com a participação de seis trios elétricos. De todos, o mais animado foi o carro da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) noqual eu segui até o final da parada. Já os go-go boys mais gostosos estavam no trio elétrico das casas noturnas. No mais, a Parada seguiu tranquila e divertida.

Agora, apenas uma ressalva: os 12 banheiros não foram suficientes para atender as 120 mil pessoas que compareceram ao evento, obrigando-as a fazer suas necessidades nas vias públicas. Outro momento que marcou a manifestação foi um ato contra a homofobia organizado por grupos punks. Um muro com palavras de cunho intolerante foi "derrubado" por várias pessoas o quena minha opnião foi maraaaa!!!! eheheh...

Levi's lança campanha a favor do casamento gay nos EUA

A grife Levi's acaba de lançar uma campanha a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo nos Estados Unidos.

Batizada de "White Knot", as peças da marca carregam o "Laço Branco da Igualdade", que virou símbolo do movimento e foi criado pelo consultor de mídia digital Frank Voci, em novembro de 2008, como forma de protestar contra a decisão do governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, de revogar a lei que permitia a união homossexual.
Para criar o símbolo, Frank inspirou-se no laço vermelho da campanha da Aids e no laço rosa que é símbolo da campanha do câncer de mama. Como forma de aderir à campanha, 20 lojas da grife em Nova York, Los Angeles, Chicago e San Francisco colocaram o laço branco nos manequins de suas principais vitrines e orientaram seus funcionários sobre o movimento e sua importância.

Nos EUA, a Levi's contempla a diversidade em suas campanhas e, desde 1992, oferece benefícios de saúde completos aos parceiros de união estável de seus funcionários gays.